Aqui o associado é o dono

55 3352-4400

Siga-nos no

Facebook!

Cotações de Grãos

Soja

156,00

Trigo

72,00

Milho

78,00

Arroz

86,00

Coopatrigo

Comercial

19/01/2021

Resultado Líquido da Coopatrigo em 2020 ficará em torno de R$40 milhões

  • 7 de janeiro de 2021

O presidente da Coopatrigo Ivo Batista anunciou nesta semana que o resultado líquido da cooperariva do ano de 2020 deverá ficar em torno de R$40 milhões, em um percentual de 3% do faturamento bruto que foi de R$1.372.000.000,00 fechado no dia 31 de dezembro.

“Em um ano extremamente difícil, com frustrações nas safras de soja e trigo, valores das comodities subindo como nunca se viu na história, dólar supervalorizado e mais a pandemia do convid-19 que abalou a economia mundial, e ter um resultado líquido de R$40 milhões é muito bom”, disse Ivo Batista.

Do resultado líquido obtido, a Coopatrigo está destinando 50%, ou seja R$20 milhões, para o “retorno” aos associados e participação nos resultados dos colaboradores, continuando com o proposito implantado a partir de 2013 de divisão dos resultados.

Os associados já estão com a sua parte a disposição desde o dia 31 de dezembro, recebendo por saca de produção entregue na cooperativa, sendo que foi destinado R$1,00 para o milho, R$1,10 para o trigo, R$1,00 para a canola, R$2,00 para o arroz e R$2,10 para a soja. O “retorno” dos associados na Coopatrigo ainda terá uma novidade, que será a possibilidade de resgate de 50% do valor que cada um tem direito em espécie, ou seja, pegar este percentual em dinheiro não necessitando gastar todo o valor dentro da cooperativa como ocorria em anos anteriores. “Com esta alteração estamos atendendo uma solicitação não somente dos associados, mas também das Associações Comerciais e prefeitos dos municípios em que atuamos que desejavam ver parte destes recursos circulando nas suas economias”, afirmou o presidente da Coopatrigo Ivo Batista.

O presidente Ivo Batista ainda explicou sobre o valor do “retorno” da soja que foi menor do que o do ano passado. Segundo ele, isto se deve a uma estratégia adotada na última safra, onde a Coopatrigo acompanhou os preços da Cotripal, cooperativa que está mais na região central do estado, que comparados a preços praticados por cooperativas mais próximas, na safra passada sempre esteve de R$2,00 a R$3,00 mais altos e agora, por exemplo a Coopatrigo está praticando preços R$6,00 acima destas cooperativas. “Foi uma maneira encontrada para dar mais competitividade aos nossos associados em uma safra frustrada em que a procura por grãos era muito grande e desta forma a concorrência não conseguiu ofertar preços maiores que os praticados pela Coopatrigo”, justificou Ivo Batista acrescentando que essa estratégia deve continuar ocorrendo na Coopatrigo, valorizando o cooperado.

Por fim o presidente da Coopatrigo disse que este desempenho é resultado do trabalho conjunto da direção, conselhos, colaboradores e associados que colocou a cooperativa em uma estabilidade econômica e financeira sólida, que permite investimentos na estrutura de atendimento às necessidades dos associados e destinação de sobras vultuosas a cada encerramento de exercício. Segundo Ivo Batista somente nestes dois últimos mandatos como presidente de 2013 a 2020 já foram distribuídos R$187 milhões em “retorno” e investidos R$148 milhões na infraestrutura da Coopatrigo.

“O trabalho que vem sendo realizado na Coopatrigo precisa ter prosseguimento, pois atende aos anseios dos associados, mantendo um crescimento constante e em 2020, mesmo com todas as dificuldades aumentamos o nosso faturamento bruto conseguindo um resultado liquido de R$40 milhões, o que tem que ser comemorado”, finalizou Ivo Batista.

Aquisição e reforma da antiga CESA foi um dos maiores investimentos da Coopatrigo na sua história e se concretizou em 2020

 

Roberto Marques

Assessor de Comunicação Coopatrigo